Posts Tagged 'rom'

Instalando uma ROM customizada no Motorola Quench

Procedimentos para Root -> Custom Recovery -> Backup -> WIPE -> Instalação
Instalando o Android 2.1 no seu Motorola Quench

Observações iniciais:

a) Faça backup de seus arquivos inclusive os do cartão de memória. Apesar de não perder nada neste, se você particioná-lo lá na frente para instalar os aplicativos no cartão, ele será apagado!
Além disso, é recomendável deixar bastante espaço para o backup da nova ROM.

b) Tenha sua bateria BEM carregada (mínimo de 80%) bem como um SIM Card (chip) ativo e funcionando no seu aparelho

c) É muito difícil o seu celular morrer para sempre. No entanto, pode acontecer e eu NÃO ME RESPONSABILIZO por quaisquer danos. Se você não se sente seguro em executar os procedimentos, não o faça até se sentir.
No entanto, se algo acontecer ou você tomar coragem, eu farei o possível para auxiliá-lo no que eu puder =)

Preparando o seu computador:

a) É recomendável o procedimento a partir de um notebook para casos de quedas de energia. Caso não seja possível, pelo menos garanta que a energia não esteja oscilando e que seu computador está limpinho de vírus e pragas cotidianas.

b) Instale o seguinte:
1) Drivers da Motorola para o Windows 32bits ou 64bits

c) Baixe o seguinte:
1) Android SDK Tools e extraia em um local de fácil acesso (não precisa instalar)
2) Instant-root (ponha o .apk no cartão de memória)
3) Custom Recovery (extraia e renomeie para recovery.img e deixe este arquivo na raiz do cartão de memória)
4) ROM 2.1: Acompanhe sempre as mais recentes aqui e aqui

Habilitando o Root no Motorola Quench
I) Passe o Instant-root para o celular e instale. Verifique se a mensagem que aparecerá é esta (qualquer coisa diferente como “root failed” indica que seu celular não pode ser rooteado por esse método. Se este for o caso, tente por este):

Instant root not required

II) Vá no telefone em Menu -> Configurações -> Aplicativos -> Desenvolvimento e ative a “Depuração USB” (mas mantenha em Somente Carregar);

III) Abra o Prompt de comando (DOS ou CMD) no computador (se for o windows vista/7, execute como administrador) e entre no diretório /android-sdk-windows/tools (por ex, no meu caso digito no DOS o seguinte comando:)

cd C:\Users\Rafael\Downloads\android-sdk-windows\tools

IV) Dentro dele, digite “adb shell” (sem aspas) e ele deverá aparecer o seguinte: $
Isto indica que você já está dentro do seu telefone mas como acesso de usuário comum. Agora digite o comando “su” (sem aspas) e ele deverá mudar para: #


Instalando o Custom Recovery:

I) Já com o recovery.img no cartão de memória, rode o seguinte comando no prompt de comando (atente que ele deverá estar com o símbolo #)

flash_image recovery /sdcard/recovery.img

Se ele não der nenhuma mensagem, é porque deu certo =)

Apague agora o recovery original do aparelho, ou a mensagem de Fastboot disabled pode aparecer (caso dê algo como Path not found, pule este passo). Execute o seguinte:

cd system
su
mount -o rw,remount /dev/block/mtdblock1 /system
rm recovery.img
mount -o ro,remount /dev/block/mtdblock1 /system
exit
exit

Reiniciando o aparelho para instalação da ROM:
I) Desligue o aparelho e ligue-o segurando o botão da câmera + power até aparecer a mensagem “Release camera button”;
II) Solte os dois botões e aperte “Volume para baixo” na tela que aparece;

III) Você está dentro do Custom Recovery agora! Para navegar dentro dele, você usa o botão de volume +/- (ou o trackpad dependendo do CR) e para selecionar alguma opção, clique no botão Home (casinha) e para voltar o botão da setinha para trás;


IV) Vá até Backup/Restore -> Backup (sem a opção EXT) e faça backup da ROM atual (estou sem fotos porque esqueci desse detalhe quando estava fazendo no meu Quench =P)

V) Agora vá até a opção Wipe e faça todas as opções MENOS Wipe SD-Card Ext e ***WIPE ALL***;

VI) Volte para o menu principal e selecione Flash ZIP from SD e selecione a ROM do 2.1 que você colocou lá e aguarde a instalação da ROM;

VII) Depois da mensagem de sucesso, volte para o menu principal e selecione Reboot System Now.

O primeiro boot demorará em torno de 5 minutos, não se preocupe e após o mesmo, o aparelho ainda continuará lento por um tempo pois estará sincronizando as coisas com o google.

Você ainda terá a opção de pular o Motoblur, o que deixará o aparelho mais rápido. Na hora da tela de configuração, aperte o botão menu (dos quadrados) e selecione “Pular Configuração”

Considerações:
a) Aplicativos no cartão de memória (APP2SD) eu não testei… basta procurar tutoriais no portalandroid.org e na comunidade do orkut
b) Para voltar para a 1.5, basta selecionar no Custom Recovery a opção Restore e selecionar a ROM antiga. Não se esqueça de dar WIPE antes do procedimento.
c) O tutorial apesar de para o Quench, serve para diversos outros modelos como Backflip e Dext, obviamente substituindo as ROMs pelas dos aparelhos acima.

Anúncios

N73 e seu Dual Processor

É bem vísivel a todos os mais experientes compradores do N73, que em suas especificações lá no GSMArena.com , ele possui as seguintes características de Hardware:

– 42 MB user memory
– 64 MB SDRAM
– Dual ARM 9 220 MHz CPU

O que seria esse Dual ARM 9?
A memória RAM e ROM já é conhecida por todas, sendo a primeira para execução de programas e a segunda para armazenamento de dados!

Para explicar do processador ARM9 e essa palavra Dual antes, precisamos ver antes de mais nada, qual a estrutura de Hardware que o N73 e mais alguns outros aparelhos da Nokia usa.
Veja abaixo o esquema:

Podemos perceber que ali do lado do ARM926, que seria o nosso processador em questão, há sim um outro processador mas não similar (e que nem ao menos executa a mesma função).
Se trata do TMS320C55X da Texas Instruments.

ARM926

O ARM926EJ-S é um processador de 32-bits com arquitetura RISC (Set de Instruções Reduzidas) – ao contrário de nossos PCs que é CISC – que permite tamanho flexíveis de caches e instruções.

Provê uma instrução separada para a interface AMBA AHB e implementa um conjunto de instruções ARMv5TEJ para melhorar a performance, executando uma instrução 16×32 bits em um único ciclo.
Além disso, inclui um ponto fixo DSP para melhorar a velocidade de processamento de algorítmos de diversos tipos de sinais e aplicações como miniaturas e execução de código Java.

Como nosso foco não está nele, basta você dar uma olhada nesta página: http://www.arm.com/products/CPUs/ARM926EJ-S.html e poderá ver tudo que o processador do seu celular oferece.

TMS320C55x

O TMS320C55x é um CI fabricado pela Texas Instruments, consumindo apenas 0.05mW sendo alimentado com 0.9V.
Este roda a 400 Mhz e tem uma performance 5x superior do que seu antecessor, dissipando apenas 1/6 de sua potencia.

Ele é usado principalmente em aplicações de Áudio, Fotografias e Sistemas de comunicação.
Possui sistema de compressão e descompressão e eliminador de ruídos e eco.

Uma coisa muito interessante, é que ele utiliza como arquitetura, uma modificação da velha Arquitetura Harvard incluindo um barramento e outros 3 para leitura de dados podendo trazer operandos simultaneamente (à leitura), melhorando assim a velocidade de comunicação.

TSM

Seja como for, definitivamente o N73 não possui dois processadores ARM9 de 220 mhz como muitos pensam!
Pense no TMS320C55x como uma placa de vídeo Off-Board (péssima comparação, ok!). Este chip da Texas irá cuidar do processamento de toda a parte da comunicação do celular, ou seja, suas ligações e dados trafegados.

Sem ele o processador central (ARM9) teria que cuidar de tudo, e ai teríamos um celular com péssima qualidade sonora além de não ser possível a implementação de novas tecnologias de dados, como o próprio 3G (que possui um chip dedicado para tal) ou o HSPDA.

Todas estas informações são facilmente encontradas nos respectivos Datasheets dos componentes, mas para o pessoal que não conhece (e nem deseja) eletrônica, foi ai um pequeno resumo das possibilidades dos nossos pequenos (a nível de Hardware)

A arquitetura do N95 por exemplo, diferencia um pouco tendo Acelerador 3D integrado – que no N73 feito pelo ARM9 e emulado via software – aliviando o processamento para outras tarefas e melhorando o desempenho geral

Para mais esquemas, acesse o site: http://www.nokia-tuning.net/index.php?s=processor
Ai tu vai achar todos os processadores usados nos Nokia e poder comparar um pouco o porque da diferença brutal de desempenho de modelo para modelo.

É isso!